Últimos assuntos
» Os cinco pastores mais rico do Brasil
Ter Ago 21, 2018 11:45 pm por Leite de Oliveira

» 666
Seg Ago 20, 2018 8:48 pm por Leite de Oliveira

» Pena de morte para bandidos
Seg Jun 19, 2017 6:50 am por Isaque palazon

» Os 7 (sete) Espíritos de YHWH
Qua Fev 22, 2017 12:16 am por azzi

» Apresente-se aqui
Qua Nov 23, 2016 2:40 pm por Paulo Henrique Gasparino

» Viver em Israel - Imigração
Dom Nov 20, 2016 1:43 pm por Oziel rodrigues

» Judeus Messiânicos e suas heresias.
Sex Out 21, 2016 6:59 am por EderTe

» A "Fé Evangélica" é genuinamente bíblica?
Ter Out 18, 2016 9:35 pm por Roberto Gavazza

» 2 samuel 24:1 x 1 cronicas 21:1
Ter Out 18, 2016 7:17 pm por Roberto Gavazza

» Bnei Noach
Ter Out 18, 2016 3:27 pm por Roberto Gavazza

Menu
  Add a Favoritos

  Home Page

  Regras do fórum

  Portal

  Fórum

  Registre-se

  Quem somos

  Normas e Dicas

  Estudos biblico

  Mapa de Israel

  História de Israel

  Aula de Hebraico

  Dicionário biblico

  Biblia em Hebraico


Calendário biblico
Estatísticas
Temos 4255 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Gibassan

Os nossos membros postaram um total de 16985 mensagens em 1199 assuntos

YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Página 9 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11  Seguinte

Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Xan Berg em Sab Nov 27, 2010 8:29 pm

Valdomiro


Muito bom seus argumentos.


Veja que interessante, Yeshua não sabia (sabe) o dia e a hora de sua vinda, porém ele conhecia os sinais que precederiam os ultimos dias, logicamente que muitos destes sinais estão relatados nos livros dos profetas.





Xan Berg
Administrador
Administrador

Mensagens Mensagens : 2636

Inscrição Inscrição : 18/12/2008


http://www.torahweb.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Camilo em Dom Nov 28, 2010 4:49 pm

Quem vê a mim vê o Pai.

(Hebreus 1:3) - O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa

(Colossenses 1:15) - O qual é imagem do YHWH invisível, o primogênito de toda a criação;

(II Corintios 4:4) - nos quais o YHWH deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de haMashiach, o qual é a imagem de YHWH

O pai e o filho são mesmo.
avatar
Camilo
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 411

Cidade Cidade : Lorena sp

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 06/06/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Dom Nov 28, 2010 7:30 pm

Quem O vê, vê o Pai, mas isso em nenhuma linguagem é afirmação de coigualdade, no máximo identidade. Ele age de tal forma em acordo com os desígnios do Pai que é possível vê-lo em suas obras; já que ele não estava falando de aparência física.

Sobre imagem é bom ler também:

Mc. 12.16 "E eles lha trouxeram. E disse-lhes: De quem é esta imagem e inscrição? E eles lhe disseram: De César."

I Co. 11.7 "O homem, pois, não deve cobrir a cabeça, porque é a imagem e glória de YHWH, mas a mulher é a glória do homem"

Pois é abençoado irmão Camilo! Então, a moeda é o próprio César e o homem o próprio YHWH já que é sua imagem e glória.

Continuo sugerindo que você revise esse método particular e pontual de interpretação, pois gera um monte de aberrações doutrinárias.

!


Última edição por Valdomiro em Dom Nov 28, 2010 11:34 pm, editado 1 vez(es) (Razão : gramática)
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Camilo em Dom Nov 28, 2010 10:10 pm

Precioso irmão Valdomiro eu sou totalmente monoteista!
avatar
Camilo
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 411

Cidade Cidade : Lorena sp

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 06/06/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Dom Nov 28, 2010 11:32 pm

Amém, abençoado Camilo. Eu também!
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Anselmo Goldman em Seg Nov 29, 2010 3:17 pm

Prezado irmão estou já me acostumando com seu estilo de classificar o argumento dos outros com adjetivos que na verdade visam atingir o argumentador. Mas, tudo bem, cada um é do tamanho que é, nem maior, nem menor!
Ótimo pois é assim mesmo que eu sou... inclusive a sua opinião quanto ao meu tamanho pouco me importa Valdomiro! Não estou aqui nem para ser grande e nem pequeno ok? Além do que é impossível (ao menos para mim) que eu atinja seu argumento sem atingir a você.
O argumento do esvaziamento é, via de regra, usado praticamente sem reflexão alguma e é, na verdade, uma desculpa, não um argumento.
Tá certo... pode deixar Valdomiro pois já estou sentado e preparado para a estória!
A primeira contradição dessa “argumentação”, e eu já falei aqui que os argumentos trinitários são contraditórios em si mesmos, é dizerem que ele se esvaziou quando querem contrapor a questão de ele não saber o dia da volta, mas ao mesmo tempo dizem que ele agiu como Elohim em atitudes e palavras gerando as tentativas de apedrejamento por parte dos Fariseus. Ou seja, era um esvaziado que teria pretendido se identificar como Elohim e ser aceito como tal, depois de ter resolvido ele mesmo se esvaziar (???). “Acefaloestrabismo” teria gerado esse comportamento (???)
Não Valdomiro.... acefaloestrabismo é não perceber que Ele esvaziou-Se mas nunca deixou de ser YHWH... Disso J.esus não poderia se esvaziar!
Ora Valdomiro, acho que terei que sugerir a você que ao menos leia a argumentação e crença Trinitariana antes de questioná-la. Vou te contar uma novidade tá?: O trinitariano não afirma que Yeshua deixou de ser D.eus, mas afirma que Ele é 100% homem e ainda 100% D.eus. Ele deixou por exemplo de ser Onipresente... Mas eu aconselho a você, que dê uma boa lida na confissão de fé trinitariana ok? Você já insinuou minha ignorância quanto a Ário e coisa e tal... mas é notória a sua ignorância acerca do trinitarianismo ou talvez se trate de tendenciosidade pura não é mesmo?
Agora considere o seguinte: “NÃO SABER” pode decorrer de, pelo menos, duas situações: Esquecimento ou desconhecimento de fato. Vamos meditar mais detidamente nessa questão. Yeshua esqueceu seu passado? Bem, a Bíblia nos diz que não, pois ao dizer “torna a dar-me a glória que eu tinha contigo antes”, ou “eu via satanás com uma estrela cair do céu” ou ainda “se vós vísseis o filho do homem onde primeiro estava” e etc., percebemos que Yeshua estava plenamente ciente de seu passado, portanto a memória dele estava intacta. Agora siga refletindo comigo!!! Se ele era Elohim coigual com seu Pai antes do esvaziamento, então, estava ciente de todas as coisas do universo por ser Elohim coigual com o Pai e fatalmente saberia o dia da sua volta a qualquer tempo. Penso que esse raciocínio é bem simples!!! Pois bem, ao contrário de dizer que ele esqueceu alguma coisa ao encarnar (algo típico da doutrina espírita), a Bíblia nos diz que ele mantinha perfeita lembrança de seu passado, logo o esvaziamento de “memória” não é algo que possamos dizer que tenha acontecido com haMashiach, doutra sorte ele nem mesmo saberia quem era. Daí decorre uma conclusão inapelável. Por não haver esquecido seu passado celestial ele não poderia dizer que não sabia o dia de sua volta se, de fato, soubesse. Por isso digo que o “argumento” trinitário é desculpa, não argumento. E sabemos todos que Elohim é onisciente. Se o Filho não é onisciente, logo, não pode ser um coigual com seu Pai.
Meu querido eu não vou nem responder isso pois não tem absolutamente nada com minha argumentação de Filipenses 2 ok?
Cria outro tópico Valdomiro. Tipo: "Yeshua Se esqueceu ou não sabia?"
Olha só a conclusão da parolice argumentativa: "E sabemos todos que Elohim é onisciente. Se o Filho não é onisciente, logo, não pode ser um coigual com seu Pai."
Esse argumento ilustra um cachorro correndo atráz do próprio rabo!

Você definiu bem Morphe, mas desconsiderou a própria definição que trouxe, pois se é “aparência externa” e “a forma pela qual ... é percebida pela visão”, então nenhuma das duas definições, ainda que se considere como linguagem figurada, é afirmação de coigualdade, pois a palavra não designa nem o interior, nem aquilo que foge da percepção (incognoscibilidade). Isso tem uma razão de ser, pois a expressão não diz “sendo o próprio YHWH” como quereriam os trinitários, mas “sendo em forma de YHWH” ou “subsistindo em forma de YHWH”, e isto decorre da tradução de “μορφῇ Θεοῦ ὑπάρχων” (morphe Theou hypachon) onde se percebe o verbo “hyparcho” (comecar, nascer, ser o iniciador, dar inicio [Isidóro Pereira, S. J. - Dicionário Grego-Português e Português-Grego, 5ª Edição]), não analisado por você em seu arrazoado, e que permite uma tradução literal “iniciando (ou nascendo) em forma de YHWH” ou “iniciando (ou nascendo) em forma divina”.
Valdomiro por favor... não jogue dessa maneira com a consciência das pessoas. Pelo menos aqui não camarada! Já não bastasse você ter usado a mesma argumentação no fórum F.E. e em seu site!!!
Esta nossa “disputa” está indo longe demais a ponto de você parecer perder o temor de YHWH e argumentar qualquer coisa apenas para não deixar de dar “uma boa resposta”.
Unitariano..., onde é que que “hyparcho” permite uma tradução literal “iniciando (ou nascendo) em forma de YHWH” ou “iniciando (ou nascendo) em forma divina”. de Filipenses 2:5 ????
Rapaz que perigo! Tá certo que você tá usando um dicionário para propagar este erro tendencioso e armado, mas não pense que você não tem culpa unitarista!
Faz o seguinte... traduz literalmente então estes versos:
(Lc 16:23) No hades, ergueu os olhos, estando (huparcho) em tormentos, e viu ao longe a Abraão, e a Lázaro no seu seio.
Como ficaria? “No hades, iniciando (ou nascendo) em tormentos”????
(Lc 23:50) Então um homem chamado José, natural de Arimateia, cidade dos judeus, membro do sinédrio, [sendo] (huparcho) homem bom e justo.
José de Arimatéia era o máximo não é mesmo? pois ele nasceu bom e justo!

(At2:30) Sendo (huparcho), pois, ele profeta, e sabendo que YHWH lhe havia prometido com juramento que faria sentar sobre o seu trono um dos seus descendentes.
“Iniciando (ou nascendo) profeta, e sabendo...”

(Gl 1:14) e na minha nação excedia em judaísmo a muitos da minha idade, sendo (huparchos) extremamente zeloso das tradições de meus pais.
“Iniciando (ou nascendo) extremamente zeloso das tradições de meus pais”???

E este verso então inutariano??? Como deveríamos traduzir literalmente?:

(At: 17:24) O YHWH que fez o mundo e tudo o que nele há, iniciando (ou nascendo) Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens;
Faça um favor para você mesmo unitariano, e edite todas as suas postagens na NET das quais você copiou, colou e editou aqui neste fórum. Vá ao fórum F.E. e no seu blog e edite ou apague esta sua argumentação pois é mentirosa. Trata-se de uma “verdade esquartejada” e conduzirá pessoas ao erro!
Defenda sua crença... mas tome cuidado! Considere isso como conselho, não de um opositor, mas de um sincero crente.

A Bíblia de Jerusalém preferiu verter assim Fp. 2.6: “Ele tinha a condição divina, e não considerou o ser igual a YHWH como algo a que se apegar ciosamente”.
Você citou a Bíblia de Jerusalém porquê? Ela diz exatamente que você escreveu, e digo mais unitariano... você não lê nunca as entrelinhas e pelo visto, nem notas de rodapé não é mesmo?
Veja as suas notas:
“Ele tinha a condição divina¹ , e não considerou o ser igual a D.eus² como algo a que se apegar ciosamente”.
1: Literalmente: “Ele se encontrava na forma de D.eus”, onde a palavra forma designa os atributos essenciais que manifestam externamente a “natureza”: haMashiach sendo D.eus, tinha por direito todas as prerrogativas divinas.
2: Literalmente: “não considerou o estado de igualdade com D.eus, como uma presa” (que não se deve largar, ou, antes, que se deve agarrar). Não se trata da igualdade de Natureza, suposta pela “condição divina” e da qual haMashiach não poderia despojar-se (Lembra que eu disse 100% D.eus mesmo sendo 100% homem??), mas de uma igualdade de tratamento, de dignidade manifesta e reconhecida, que Yeshua poderia ter revindicado, mesmo na sua existência humana.
Ou seja unitariano, mande a sua recomendação solicitando evisão no texto de Fl 2, e espere pela resposta da comissão ok? Seja da SBB ou da SBCI. A sua permissão de tradução literal é uma tremenda ... Ops... sem adjetivos!
avatar
Anselmo Goldman
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 628

Idade Idade : 41

Cidade Cidade : Suzano SP

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 17/09/2010


http://www.elohimomer.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Seg Nov 29, 2010 10:25 pm

Olá Anselmo Paz!

Eu sei que você é assim mesmo, mas a recomendação de Yeshua é sermos mansos e humildes. O respeito aos outros não é apenas messiânico, mas um dever do ser humano.

Você disse: “acefaloestrabismo é não perceber que Ele esvaziou-Se mas nunca deixou de ser YHWH...” Caro irmão não é a tua mera alegação que torna essa afirmação algo verdadeiro ou concreto. Isso não está Escrito. Aliás o trinitarismo inventa muito. Mais uma vez a contradição surge, pois você diz que ele não pode se esvaziar de ser YHWH, no entanto, isso é inconciliável de qualquer forma, pois se ele se esvaziou mas não esqueceu o seu passado, então, saberia o dia da volta e não poderia mentir, e se não pôde esvaziar-se de ser YHWH, também não pode deixar de saber o dia da sua volta e nem poderia negar. Comprovadamente o Nosso Senhor Yeshua haMashiach não sabia o dia da volta hora nenhuma. Simples assim!

Irmão eu conheço a confissão de fé trinitariana, e é igualmente contraditória. É por já haver defendido e conhecê-la bem, mas vê-la totalmente fora do escopo bíblico, que não posso aceitá-la mais. Você mesmo trouxe novamente mais um exemplo de contradição, pois essa história de 100% YHWH e 100% homem, além de não ser uma alegação bíblica é pura ficção, pois não existe 100% dois quais quer. Não se pode usar ciências exatas para tentar defender uma invenção inexata humana. Como é que você pode afirmar que alguém é 100% alguma coisa ao mesmo tempo em que admite que ele não é 100%, já que ele “deixou” de ser onipotente??? É um 100% que não é 100%??? Você esbarra na próprias contradições e nem percebe. Eu já defendi isso porque preferia viver uma ilusão de ótica. Hoje prefiro viver a realidade, Baruch HaShem.

Sobre o “esquecimento” do dia da volta e seu não comentário é natural, nem o filosofo c'ristão Agostinho de Hipona dá uma resposta minimamente satisfatória para isso. Você diz que nada tem haver com Fp. 2.6, mas foi justamente esse verso que você citou para justificar o fato de Yeshua não saber o dia da volta alegando que ele estaria esvaziado, basta ler tua postagem do dia 23/11. Até isso você não consegue atinar, e já nem sabe mais porque escreve (!!!).

Anselmo nobre irmão, percebo que você está perdendo a calma e com ela a capacidade de compreensão. Ora, grande irmão, eu não inventei os significados para a palavra “hyparchô”, estão lá no dicionário. O perigo é você ignorar os sentidos vocabulares e esquecer dos dicionários quando for traduzir a Bíblia ai ela será o que você quiser. Você pode até fazer um certo terrorismo falando em consciência e etc, só que não funciona comigo, pois a verdade precisa ser dita, mesmo que o trinitarismo queira esconder o sol com a peneira. Talvez você queira discutir com o estudioso que colocou o significado do verbo lá, não comigo. Eu não inventei nem o sentido da palavra, nem escrevi o dicionário. E quando, houver no Brasil crentes não trinitarianos traduzindo a Bíblia, se tiver oportunidade exporei esse sentido constante do dicionário para eles, aliás nem será preciso. Mas para trinitarianos seria debalde, visto que a Bíblia nem mesmo diz que YHWH seja três e eles afirmam que é três, então, não estão muito preocupados com a realidade escrita.

Você citou Lc. 16.23 e está tão chateado por faltar boas respostas para dar a mim que pensa ter encontrado ali uma contra-argumentação. Medite no que diz o contexto! A parábola diz que morreram os dois. Então, te pergunto: O tormento daquele homem era um estado desde antes da morte (ou desde sempre, um estado eterno) ou iniciou, de fato, após a morte, lá no Hades? Ele estava no Hades desde sempre ou passou a estar em determinado momento. De qualquer forma considere os contextos prezado irmão, os contextos. Pois nem em português uma palavra tem o mesmo sentido em todas as ocorrências, por exemplo, em At. 3.2 o sentido é “era” ou “nasceu” coxo; At. 14.8 tem sentido semelhante. Em I Co. 11.7 diz que o homem é “(ὑπάρχων) a imagem e glória de YHWH”. O homem é eterno ou foi CRIADO à Imagem de YHWH. Logo quem o determinará são os contextos.

Você quer dar a entender que eu defendi que a palavra tem o mesmo significado em qualquer lugar que ela aparecer e isso é uma atitude dolosa de sua parte, ou talvez, mais uma vez não tenha atinado direito. Eu não disse isso, antes disse: “permite uma tradução literal“. Assim, teu argumento contrário é inócuo! A única coisa percebidamente real nessa tua resposta é a deturpação do que eu disse, mas não há uma contra-argumentação de fato. E eu, inclusive, não omiti os dizeres de bíblias católicas a esse respeito.

A propósito você perguntou se eu li o rodapé da Bíblia de Jerusalém, e eu acho que você só leu a referência a Fp. 2.6, e ainda assim mal, pois quem está acostumado a manusear a BJ e ler as notas de rodapé percebe que muitas delas distancia-se do princípio evangélico e pende ao catolicismo puro, ou seja, quando não fala de dado histórico, mas doutrinário, ela favorece ao catolicismo ou ao que é comum a católicos e protestantes.

Assim, caro irmão, não há nada o que editar. Talvez alertar a pessoas com leituras desatentas como você que parece não ler bem nem as linhas, nem as entrelinhas e termina por deturpar o que foi postado.

Voltando a nota de rodapé da BJ, só para você ter ideia ela diz referente ao item 1 citado por você: “onde a palavra forma designa os atributos essenciais que manifestam externamente a 'natureza'”, mas isso não é confirmado pela Bíblia porque não é o sentido comum da palavra. Considere que quando os escritores sagrados escreveram a Bíblia, eles NÃO tinham um dicionário de termos evangélicos ou cristãos da teologia pós-apostólica, ele possuíam a língua comum, o vocabulário do povo. Assim, essa história de “morphe” designar a “natureza” é mais uma forçada de barra do trinitarismo. Veja, por exemplo, II Tm. 5.3 “...tendo aparência de piedade...”. Essa “aparência” era uma realidade interior??? Como se percebe ela não é usada para atribuir igualdade ou algo inerente, mas informar a aparência externa. Na Septuaginta, por exemplo, temos esta mesma palavra em Jz. 8.18 “...cada um parecia filho de rei.” (ὡς εἶδος μορφὴ υἱῶν βασιλέων) que pode ser lido “...cada um tinha a forma de filho de rei”. Vale lembrar que naquela época não havia rei em Israel, o que mostra ser, de fato, constatação de aparência, sem nada ter haver com essência. Também em Jó.4.16 vemos μορφή: “...não pude discernir sua aparência...”, bem como em Dn. 5.6 “Mudou-se, então, o semblante do rei...”, também em Dn. 3.19, Dn. 5.9,10; 7.28, Is. 44.13 diz: “O carpinteiro estende a régua ... finalmente dá-lhe forma à semelhança dum homem...”. Perceba que a palavra reflete, em todas as ocorrências bíblicas, apenas a aparência e não a inerência daquilo do qual se diz ser forma. Nesse último verso fica claríssimo isso, pois seria difícil fazer alguém crer que ao falar em “forma” o escritor sagrado estivesse dizendo que aquela estátua esculpida fosse “aparência exterior de uma realidade interior” de algum bloco de pedra. Também é difícil concordar com a nota de rodapé da BJ quando diz que “manifestam externamente a 'natureza'” pois a estátua de um homem não manifesta externamente a natureza daquele material inerte utilizado.

Sobre o item 2 a nota diz: “Não se trata da igualdade de Natureza, ele admite isso porque parte do pressuposto que Yeshua é realmente um coigual com o Pai, mas só o admitir já mostra que nem mesmo eles acreditam que ali, em Fp. 2.6, se fale da igualdade na “natureza”, percebe?. Logo, você citou por quê? Já que a própria nota de rodapé que você reivindica desdiz tua pretensão.

Caro irmão Anselmo, lamento seu desejo de permanecer distorcendo e torcendo as coisas. O ruim é precisar ficar mostrando tuas inconsistências e tendenciosidades!!!

Na paz!
Valdomiro.
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Camilo em Seg Nov 29, 2010 11:52 pm

Valdomiro shalom.

Somos Monoteistas!
Qual é o nome de seu D'eus ou Elohim.

(João 17:6) - Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus, e tu mos deste, e guardaram a tua palavra.
(João 17:26) - E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.

Se vc conhece ao YHWH que adora então me diga em nome de Yeshua qual éo seu Nome?????
avatar
Camilo
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 411

Cidade Cidade : Lorena sp

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 06/06/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Edson em Ter Nov 30, 2010 9:18 am

Eunice escreveu:Convidado

A quem devemos nos dirigir em oração ao Eterno, o Pai ou a Yeshua?
SEMPRE AO PAI EM NOME DE Yeshua... como diz as Escrituras.

façamos o Homem..." (Gn 1:26; 2:7);
YHWH FALANDO COM OS ANJOS (como creêm os Judeus) por duas vezes no livro de Jó, YHWH se reune com os anjos e até satanás tem que perticipar.

o Homem se tornou como um de nós..." (Gn 3:22); Talvez, força de expressão. Mas eu continuo com os Judeus, istó é, YHWH e seus anjos.

desçamos e confundamos..." (Gn 11:7); força de expressão...
Mas é YHWH falando com seus anjos.


quem há de ir por nós..." (Is 6:8).
[b]força de expressão...
Os anjos queriam ir, mas YHWH disse que nós devemos ir.


Edson
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 66

Cidade Cidade : Santa Rita do Passa Quatro-SP

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 13/11/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Edson em Ter Nov 30, 2010 10:17 am

Concordo com vc...apesar de não ser unitarista...

Eu creio que o Senhor Yeshua tinha duas naturezas, divina (plenitude da divindade) e humana(filho), como filho (humano) ele não sabia nem o dia nem a hora, mas como YHWH, ele sabe todas as coisas.

YHWH gerou em Maria um corpo(tenda) para si, e habitou/tabernaculou entre nós.
Não poderia ser gerado por José, para não ter a natureza adamica, tinha que ser sem mácula, por isso foi gerado pelo Espírito de YHWH que é Santo.

YHWH estava em haMashiach, reconciliando o ser humano consigo mesmo. O Senhor Yeshua mesmo disse que não poderia fazer nada se o Pai não estivesse nele.

haMashiach é a manifestação(teofania) de YHWH.

Ele veio a esse mundo para vencer satanás como homem(Gn 3 v15), no território de satanás, poderia te-lo vencido como YHWH, mas sendo YHWH (natureza Divina), não se prevaleceu disso, na sua morte(natureza humana/YHWH não morre), satanás mordeu seu calcanhar, mas na sua ressurreição, Yeshua pisou na sua cabeça, venceu o espírito da morte. YHWH ressuscitou a Jessus que está a destra de YHWH, no seu poder.

Não creio que na cruz, enquanto o segundo YHWH estava morto(como sendo YHWH, não tinha poder de ressuscitar a si próprio?), e o primeiro YHWH o ressuscitava, o terceiro YHWH não fazia nada.

Trindade, encarnado, encarnou, unidade-composta, não tem na minha tradução.

"Saindo das tradições dos pais, e voltando para aPalavra infalível de YHWH."

Edson
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 66

Cidade Cidade : Santa Rita do Passa Quatro-SP

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 13/11/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Ter Nov 30, 2010 1:54 pm

Camilo, amado irmão, Paz!

Precisamos fazer uma distinção ai. A aplicação da palavra “nome” tem, no mínimo, duas acepções.

Uma coisa é a pronúncia, outra é o que esse nome representa. Pv. 30.5 “Quem subiu ao céu e desceu? Quem encerrou os ventos nos seus punhos? Quem amarrou as águas numa roupa? Quem estabeleceu todas as extremidades da terra? Qual é o seu nome? E qual é o nome de seu filho, se é que o sabes?” Fala de DOIS. Um Pai e um Filho.

O nome do Pai: “ E eu apareci a Abraão, a Isaque, e a Jacó, como o Elohim Todo-Poderoso; mas pelo meu nome, Yahweh, não lhes fui perfeitamente conhecido.” (Ex. 6.4) “Disse mais: Eu sou Elohim de teu pai, o Elohim de Abraão, o Elohim de Isaque, e o Elohim de Jacó...” (Ex. 3.6)

O nome do Filho: “E dará à luz um filho e chamarás o seu nome Yeshua; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.

Um dos vários e vários versículos que mostram não serem o mesmo: “O Elohim de Abraão, de Isaque e de Jacó, o Elohim de nossos pais, glorificou a seu filho Yeshua, ...” (At. 3.13), ao mesmo tempo que mostra quem é o Pai de Yeshua.

Outro: At. 5.30 “O Elohim de nossos pais ressuscitou a Yeshua, ao qual vós matastes, suspendendo-o no madeiro. 31 Elohim com a sua destra o elevou a Príncipe e Salvador, para dar a Israel o arrependimento e a remissão dos pecados.

Então, prezado irmão, Yahweh é o nome do Pai, a quem cultuo, e Yeshua o nome do Filho, a quem respeito como Senhor e Salvador de todas as coisas.

Claro, as pronúncias são aproximadas. Até hoje se discute a questão da pronúncia do nomes do Pai e do Filho. As ponho aqui apenas para mostrar que são distintos.

A outra acepção para nome é “autoridade”, que cabe nesses versículos que você citou. Considere o seguinte: Depois que eu dito o nome de fulano é CAMILO, não tem sentido eu dizer “lho farei conhecer mais”, pois já o fiz conhecido, a não ser que lhe queira fazer conhecer o sobrenome também, o que não é o caso, mas se nesse verso NOME quer dizer autoridade e poder, então, ele, de fato, pode “lho fazer conhecer mais”. Realizar mais obras que o Pai mandou ele fazer.

Grande abraço!
Na Paz!
Valdomiro.
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter Nov 30, 2010 3:39 pm

, ao invereadarem para a questão da tradução/transliteração do NOME, por favor o façam no tópico correto:

http://torahweb.forumbrasil.net/lei-de-moises-f1/o-nome-de-yeshua-nas-escrituras-t578-60.htm?highlight=nome

Obrigado..

Moderação.
avatar
Diego Yo'ets
Moderador
Moderador

Mensagens Mensagens : 2106

Idade Idade : 35

Cidade Cidade : Fortaleza-Ce

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 13/08/2009

Religião Religião :
  • Judeu messiânico


http://adonayechad.forumeiros.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Xan Berg em Ter Nov 30, 2010 5:24 pm

Camilo escreveu:

Somos Monoteistas!
Qual é o nome de seu D'eus ou Elohim.

(João 17:6) - Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus, e tu mos deste, e guardaram a tua palavra.
(João 17:26) - E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.

Se vc conhece ao YHWH que adora então me diga em nome de Yeshua qual éo seu Nome?????


Camilo


Este tópico não se refere a este assunto proposto por você e as proximas mensagens serão excluidas.
avatar
Xan Berg
Administrador
Administrador

Mensagens Mensagens : 2636

Idade Idade : 41

Cidade Cidade : Israel

País País : Israel

Inscrição Inscrição : 18/12/2008

Religião Religião :
  • Judeu messiânico


http://www.torahweb.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Seg Jan 24, 2011 1:06 am

Olá Jefté, shalom!

Tudo aquilo que pode ser dado por YHWH a alguém. O que quer que Yeshua tenha, o tem porque lhe foi dado pelo Pai, é por isso que ele, Yeshua, diz que o Pai é maior do que ele.

"Todas as coisas me foram entregues por meu Pai" (Mt. 11.27)

Não se dá ao que por inerência tem, só se dá a quem antes não tinha.
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Seg Jan 24, 2011 2:32 pm

irmão Jafté!

Se dá o que se pode dar. A plenitude do que quer que seja não o iguala ao Pai, pois além de ser algo posteriormente dado, ele mesmo já glorificado ele diz: "Ao que vencer eu o farei coluna no templo de MEU YHWH". Se ele tem um YHWH acima dele não é um coigual a esse YHWH que está acima dele.

Nos estamos em haMashiach e haMashiach em YHWH e nem por isso somos cristos ou deuses.
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Clara em Seg Jan 24, 2011 11:17 pm

Jefté

O Pai deu a Yeshua autoridade e poder!
avatar
Clara
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 278

Cidade Cidade : São Paulo

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 23/10/2009


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Camilo em Seg Jan 24, 2011 11:56 pm

shalom.
Idolatria provém do Grego Eidolon(Idolo) + latreia(Adoração)
e se Yeshua não fosse D'eus então teria sido um idolo.
Yeshua foi D'eus feito homem e agora é homem feito D'eus e deve ser adorado como único Theus D'eus de israel.
Idolatria é não adorar Yeshua como único D'eus.
avatar
Camilo
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 411

Cidade Cidade : Lorena sp

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 06/06/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Camilo em Ter Jan 25, 2011 1:42 am

Jefté vc é demais irmão.
avatar
Camilo
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 411

Cidade Cidade : Lorena sp

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 06/06/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Camilo em Ter Jan 25, 2011 2:42 am

Yeshua é a imagem adorada do D'eus invisivel.

(II Corintios 4:3) - Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, é naqueles que se perdem que está encoberto,
(II Corintios 4:4) - nos quais o YHWH deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de haMashiach, o qual é a imagem de YHWH.
(II Corintios 4:5) - Porque não nos pregamos a nós mesmos, mas a haMashiach Yeshua, o SENHOR; e nós mesmos somos vossos servos por amor de Yeshua.
(II Corintios 4:6) - Porque YHWH, que disse que das trevas resplandecesse a luz, é quem resplandeceu em nossos corações, para iluminação do conhecimento da glória de YHWH, na face de Yeshua haMashiach.
avatar
Camilo
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 411

Cidade Cidade : Lorena sp

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 06/06/2010


Voltar ao Topo Ir em baixo

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

SHALOM !!!

Mensagem por marciopallotti em Ter Jan 25, 2011 5:29 am

João 3:14 E do modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do Homem seja levantado, ...
Acho que este versiculo biblico fala por si só,levantado,honrado,amado,digno,entronizado,bendito,adorado,louvado,magnificado,suficientizado,eleito,a ele TODA gloria honra e louvor pelos séculos dos séculos.com certeza amada com certeza ele deve sim ser adorado.
avatar
marciopallotti
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 8

Idade Idade : 39

Cidade Cidade : porto alegre

País País : Brasil

Inscrição Inscrição : 29/10/2009


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Valdomiro em Ter Jan 25, 2011 3:04 pm

Caro Camilo, shalom!

Camilo escreveu:shalom.
Idolatria provém do Grego Eidolon(Idolo) + latreia(Adoração)

É por isso irmão que “latreuô” nunca é aplicada a Yeshua. Veja s ocorrências de “latreuô” no Novo Testamento.


Mt. 4.10 “Então ordenou-lhe Yeshua: Vai-te, Satanás; porque está escrito: Ao Senhor teu YHWH adorarás, e só a ele servirás.” Como já foi comentado aqui o verbo “servir” é λατρεύω (cultuar, prestar serviço sagrado) e se refere diretamente a YHWH. É muitíssimo oportuno ler o verso seguinte que diz: “Então o Satan o deixou; e eis que vieram os anjos e o serviram.” O verbo “servir” nesse verso, ao falar dos anjos, é διακονεω (diakonô) que significa servir, de prestar serviço como servidor, prover com serviço, mostrando que os anjos embora reverenciem (proskynô(λατρεύσουσιν)
) a Yeshua (Hb. 1.6), não o cultuam (latreô).
Lc. 1.74 “de conceder-nos que, libertados da mão de nossos inimigos, o servíssemos (λατρεύειν) sem temor”
Lc. 2.37 “e era viúva, de quase oitenta e quatro anos. Não se afastava do templo, servindo (λατρεύουσα) a YHWH noite e dia em jejuns e orações.”
Lc. 4.8 “Respondeu-lhe Yeshua: Está escrito: Ao Senhor teu YHWH adorarás, e só a ele servirás (λατρεύσεις) .”
Jo. 16.2 “Expulsar-vos-ão das sinagogas; ainda mais, vem a hora em que qualquer que vos matar julgará prestar um serviço (λατρείαν) a YHWH.”
At. 7.7 “Mas eu julgarei a nação que os tiver escravizado, disse YHWH; e depois disto sairão, e me servirão (λατρεύσουσιν) neste lugar.”
At. 7.42 “Mas YHWH se afastou, e os abandonou ao culto (λατρεύειν) das hostes do céu, como está escrito no livro dos profetas: Porventura me oferecestes vítimas e sacrifícios por quarenta anos no deserto, ó casa de Israel?” Aqui mesmo não sendo um culto a YHWH, confirma que o uso da palavra é aplicado a quem se pretende cultuar em sentido divinal.
At. 24.14 “Mas confesso-te isto: que, seguindo o caminho a que eles chamam seita, assim sirvo (λατρεύω) ao YHWH de nossos pais, crendo tudo quanto está escrito na lei e nos profetas.”
At. 26.7 “a qual as nossas doze tribos, servindo (λατρεῦον) a YHWH fervorosamente noite e dia, esperam alcançar; é por causa desta esperança, ó rei, que eu sou acusado pelos judeus.”
At. 27.23 “Porque esta noite me apareceu um anjo do YHWH de quem eu sou e a quem sirvo (λατρεύω) ”
Rm. 1.9 “Pois YHWH, a quem sirvo (λατρεύω) em meu espírito, no evangelho de seu Filho, me é testemunha de como incessantemente faço menção de vós”
Rm. 1.25 “pois trocaram a verdade de YHWH pela mentira, e adoraram e serviram (ἐλάτρευσαν) à criatura antes que ao Criador, que é bendito eternamente. Amém.” (Idem At. 7.42)
Rm. 9.4 “os quais são israelitas, de quem é a adoção, e a glória, e os pactos, e a promulgação da lei, e o culto (λατρεία) , e as promessas”.
Rm. 12.1 “Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de YHWH, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a YHWH, que é o vosso culto (λατρείαν) racional.”
Fp. 3.3 “Porque a circuncisão somos nós, que servimos (λατρεύοντες) a YHWH em espírito, e nos gloriamos em haMashiach Yeshua, e não confiamos na carne.”
II Tm. 1.3 “Dou graças a YHWH, a quem desde os meus antepassados sirvo (λατρεύω) com uma consciência pura, de que sem cessar faço menção de ti em minhas súplicas de noite e de dia”
Hb. 8.5 “os quais servem (λατρεύουσιν) àquilo que é figura e sombra das coisas celestiais, como Moisés foi divinamente avisado, quando estava para construir o tabernáculo; porque lhe foi dito: Olha, faze conforme o modelo que no monte se te mostrou.”
Hb. 9.1 “Ora, também o primeiro pacto tinha ordenanças de serviço (λατρείας)
sagrado, e um santuário terrestre.”
Hb. 9.6 “Ora, estando estas coisas assim preparadas, entram continuamente na primeira tenda os sacerdotes, celebrando os serviços (λατρείας) sagrados”
Hb. 9.14 “quanto mais o sangue de haMashiach, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a YHWH, purificará das obras mortas a vossa consciência, para servirdes (λατρεύειν) ao YHWH vivo?”
Hb. 10.2 “Doutra maneira, não teriam deixado de ser oferecidos? pois tendo sido uma vez purificados os que prestavam o culto (λατρεύειν) , nunca mais teriam consciência de pecado.”
Hb.12.28 “Pelo que, recebendo nós um reino que não pode ser abalado, retenhamos a graça, pela qual sirvamos (λατρεύωμεν) a YHWH agradavelmente, com reverência e temor”
Hb. 13.10 “Temos um altar, do qual não têm direito de comer os que servem (λατρεύοντες) ao tabernáculo.”
Ap. 7.15 “Por isso estão diante do trono de YHWH, e o servem (λατρεύουσιν) de dia e de noite no seu santuário; e aquele que está assentado sobre o trono estenderá o seu tabernáculo sobre eles.”
Ap. 22.3 “Ali não haverá jamais maldição. Nela estará o trono de YHWH e do Cordeiro, e os seus servos o servirão” (λατρεύσουσιν).

É interessante este último verso citado porque há quem o use para dizer que “latreo” é aplicado ao Cordeiro (haMashiach), e dessa forma tando YHWH quanto o Cordeiro (Yeshua) receberiam culto, mas o texto é claro “O servirão” (o cultuarão), e não “os servirão”, e, o próprio verso anterior de Apocalipse, cujo texto acima está destacado, não deixa dúvida a quem está se referindo essa passagem bíblica, que corrobora a informação dada por Paulo em I Co. 15.28 “E, quando todas as coisas lhe estiverem sujeitas, então também o próprio Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, para que YHWH seja tudo em todos.” O que deveríamos nos perguntar é: Por que João teria feito a distinção clara, chamado um de YHWH e o outro de Cordeiro para depois disso dizer que o Cordeiro era quem seria cultuado? Deveríamos nos questionar também que se Ap. 22.3 fala do Cordeiro como sendo aquele a quem se cultuaria, então, qual seria a razão de não se dizer isto também de YHWH nesse mesmo verso, visto que estão discriminados distintamente, mas no mesmo verso? A proposta trinitária criaria uma situação estranha e invertida, inexistente na Bíblia, que seria destacar com ente de culto quem nunca foi designado para tal e excluir Aquele que é por inerência cultuado em toda a Bíblia, e ratificada, pelo próprio Cordeiro quando na Terra ao dizer em Mt. 4.10 “Então disse-lhe Yeshua: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu YHWH adorarás, e SÓ A ELE ele servirás” (destaquei). Não há espaço nesse verso para dizer que Yeshua estivesse falando dele mesmo ao Satan.

Quando as Escrituras falam em servir ao Senhor Yeshua nunca o fazem usando o verbo λατρεύω “latreuo” (verbo ligado a culto), mas δουλεύω “douleo”, verbo de relação de senhorio, como em:
At. 20.19 “Servindo (δουλεύων) ao Senhor com toda a humildade, e com muitas
lágrimas e tentações, que pelas ciladas dos judeus me sobrevieram;”.
Cl. 3.24 “Sabendo que recebereis do Senhor o galardão da herança, porque a haMashiach, o Senhor, servis (δουλεύετε).”;
Rm. 12.11 “ Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo
(δουλεύοντες) ao Senhor”;
Rm. 14.18 “Porque quem nisto serve (δουλεύων) a haMashiach agradável é a YHWH e aceito aos homens.”;
Rm. 16.18 “Porque os tais não servem (δουλεύουσιν) a nosso Senhor Yeshua haMashiach,”;
Etc.
δουλεύω também pode ser usado tanto para com YHWH, pois ele é Senhor sobre todos, e na relação entre seres humanos inclusive.

OU seja, se você cultua a Yeshua, está fazendo aquilo que a Bíblia não manda fazer.

Fica na Paz de Nosso Senhor!
avatar
Valdomiro
Membro
Membro

Mensagens Mensagens : 86

Idade Idade : 50

Inscrição Inscrição : 11/11/2010


http://www.unitarismobiblico.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: YESHUA (J'esus) deve ser adorado?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum